Já consegue enxergar 2017?!

2017 esta chegando e a hora de pensar no futuro e agora
Foto: Reprodução InternMatch

Quanto antes você começar a planejar a sua carreira e os seus próximos passos melhor.

Todo o fim de ano é a mesma coisa, hora de fazer o balanço do que aconteceu, perceber onde acertou e onde errou, pensar no futuro, fazer planos, abrir mão de algumas coisas em prol de outras, entre outras coisas. Como o tempo parece que está voando, 2016 passou num piscar de olhos e, quanto mais cedo você começar a se planejar para 2017, melhor.





Balanço

Se você não está satisfeito com seu emprego, talvez seja o momento de fazer um balanço e perceber se o que está lhe deixando infeliz é problema seu ou de outra pessoa que você não consegue controlar. Digo isso porque não é fácil ficar de frente para o espelho e conseguir aceitar que, muitas vezes, quem está atrapalhando a nossa vida profissional somos nós mesmos.

Se os erros que você cometeu foram culpa sua, é hora de aceitar isso, corrigir a rota, se desculpar com quem quer que seja e seguir de cabeça erguida. Porém, se os erros não foram culpa sua, talvez você esteja na empresa errada e nesse balanço você tende a perceber isso. Apesar de não ser o momento ideal, por conta da crise, de ficar mudando de emprego, buscar a felicidade precisa ser uma meta curta-fanpagepossível.

Amor pelo que Faz

Não, eu não serei hipócrita em lhe dizer que você só deve fazer o que ama e não pensar no dinheiro, pois sei (e sabemos) que quando o boleto chega o amor não está nos códigos de barra para o pagamento. Então, depois de fazer o balanço do seu momento profissional, você pode (e deve) tentar equalizar o trabalho com, pelo menos, a satisfação em realizá-lo.

Ganhar bem não significa ser feliz, mas ajuda. Mesmo que o momento na empresa onde você trabalha não esteja favorável, pense no longo prazo, na sua satisfação e entenda que isso pode e deve mudar em breve. É uma questão de parar, respirar, pensar, ser grato pelo que você já conquistou e tentar manter o seu sonho.

Mudanças são Desconfortáveis

Claro que, quando você começar a pensar na sua vida e no seu futuro, pode acontecer um desconforto. Pode não, vai acontecer. Se você, após equalizar tudo, definir que precisa encontrar outro trabalho, as horas e a qualidade do seu sono vão diminuir, talvez você tenha dificuldade em se concentrar, não consiga pensar em outra coisa. Mudar é isso, sair da zona de conforto é exigente, é puxado.

grupo-FBPor onde Começar?

Você já começou. Ao fazer aquele balanço sugerido no começo do texto, você já começou a mudança. Após decidir se você vai ou não continuar onde está, é hora de criar uma nova rotina de pensamento e trabalho. Se você decidiu continuar na empresa onde está, concentre-se em reencontrar o seu rumo. Tente lembrar do seu começo, quando você tinha recém chegado nessa empresa, seus pensamentos, ambições e objetivos. Talvez agora seja o momento para deixar as diferenças de lado, conversar com seus desafetos, pedir desculpas e desculpar.

Agora, se você percebeu que a melhor coisa a se fazer é procurar outro emprego, comece revendo o seu currículo, dê aquela atualizada, procure diplomas e certificados de cursos e formações que você participou. Vá ao LinkedIn, crie o seu perfil, converse com sua rede de contatos, analise a agenda do seu celular e veja quem pode lhe ajudar. Mire na empresa que você sempre sonhou em trabalhar e dê um tiro, envie o seu currículo, entre em contato, faça uma visita.

banner-curriculo

Fé e Esperança

A sua fé vai lhe levar longe, por isso acredite. Tenha esperança que as coisas vão melhorar, pois só assim você encontrará forças para seguir em frente. O medo virá, a angústia também, mas mudar é isso. Se fosse fácil, talvez você não tivesse ficado tanto tempo onde ficou. Tenha calma, mantenha o foco e comece o novo ano com o pé direito.

Vagas de Emprego

Madri tem mais de 14 mil vagas abertas. Saiba mais.

P&G está contratando 53 novos colaboradores no Brasil. Submeta a sua candidatura.

Multinacional Cisco tem mais de 1.000 vagas abertas. Descubra quais são.