Como planejar sua mudança para fora do país em 2018

Mudar de país
Foto: Pixabay

Confira dicas fundamentais para atingir suas metas no novo ano que se aproxima. 

Com a chegada do ano novo que se aproxima é hora de criarmos metas e planos para concretizarmos no próximo ano. Toda mudança de ano é uma nova chance para realizarmos sonhos, irmos atrás dos nossos objetivos e termos uma oportunidade de recomeçar. Seja mudar de emprego, de profissão, começar um novo curso, graduação, MBA, mestrado, doutorado, abrir um negócio próprio, mudar de cidade, estado ou até mesmo de país.

Mudar de país parece um sonho distante, mas não é. Atualmente está cada vez mais fácil realizar esse sonho e só depende de você. O primeiro passo é traçar uma meta e se programar para alcançá-la em 2018. O planejamento é o segundo passo e por isso é preciso ter tempo para preparar a sua mudança de país.





1) Começando o plano

Para iniciar o processo de mudança de país, você precisa saber que ninguém irá te pegar pela mão e te oferecer o emprego dos sonhos se você não ir atrás. Pesquise muito sobre morar fora, faça seu passaporte, junte dinheiro, prepare um bom currículo no Linkedin, capriche na sua apresentação pessoal, escolha boas fotos para o seu perfil nas redes sociais, pesquise as vagas abertas e queira realmente sair da sua zona de conforto e arriscar.

Conheça os melhores países do mundo para estrangeiros morarem

2) Metas

Crie metas para atingir no ano de 2018. Uma caixa com sonhos é uma boa maneira de terminar o ano de 2017 e iniciar o ano novo cheio de energia positiva. Pegue uma caixa (pode ser de sapato), cole fotos e recortes no seu exterior e coloque lá dentro todas as suas metas para concretizar em 2018.

Deixe a caixa visível no seu quarto e determine o que você quer atingir. Por exemplo: “juntar R$ 10 mil reais até o final de dezembro de 2018”, “terminar a faculdade e conseguir um emprego no exterior”, “enviar 10 currículos para multinacionais por mês”, “estudar inglês durante uma hora por dia”, “pesquisar aquele mestrado dos sonhos no exterior”, “pesquisar cursos de espanhol no exterior”, e assim por diante.

Você pode criar metas, planos ou escrever seus sonhos (pessoais ou profissionais). Ter isso materializado ajuda muito a ir atrás, acordar todos os dias com um objetivo e a vontade de realizá-los.

Quero morar fora: por onde devo começar?

3) Capriche na sua formação e currículo

Dedique algumas horas da sua semana para pesquisar sobre a sua área de atuação no exterior, pesquise as vagas abertas (pode usar a lupa do nosso site na página principal e colocar a sua profissão, que aparecerá as vagas abertas. Ex: engenheiro, desenvolvedor de software, contador, recursos humanos, jornalista, analista de Marketing, etc). Prepare um bom currículo, com uma boa diagramação, atualize seu perfil no Linkedin constantemente, faça contatos profissionais e envie seu currículo para os cargos que tenham haver com o seu perfil e trajetória profissional.

Se achar que ainda não está preparado para competir com candidatos internacionais, corra atrás do que falta no seu currículo. Faça um curso de inglês, espanhol, alemão, mandarim, etc. Faça cursos, participe de congressos, busque atualização na sua área profissional. Estudar nunca é demais e sempre temos coisas novas para aprender.

Veja também: 5 passos para ter um excelente currículo no Linkedin

banner-venda-livro-vazado-1

4) Pesquise o destino

Antes de se jogar para um novo país, é preciso pesquisar bastante. Dedique um tempo para ler sobre o país que pretende morar, como é o mercado de trabalho, como é possível fazer o visto, qual o modelo de currículo mais utilizado por lá, etc. Além de buscar informações em blogs, sites e vídeos no Youtube, acesse os sites oficiais dos países e das embaixadas. Descubra quais as profissões em falta no país e verifique se seu currículo está dentro dos padrões para participar dos processos seletivos.

Veja 10 coisas que você deve planejar antes de sair do país

5) Visto

Algumas empresas patrocinam o visto de trabalho para trabalhar no exterior se ela estiver interessada em te contratar. Em outros casos, você deve fazer o visto sozinho. Não ache que isso será um problema, leia bastante, siga a lista de documentos e vá atrás. Se tiver alguma cidadania (ex: europeia), pode ajudar bastante na hora da contração. Vale lembrar que muitas empresas fazem entrevistas por Skype, e muitos processos seletivos levam meses. Então, tenha paciência e perseverança para atingir seus planos e sonhos!



Amanda Corrêa

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Atua há 13 anos na área de Jornalismo e Comunicação Social.

2 comentários em “Como planejar sua mudança para fora do país em 2018

  • 10 de maio de 2018 em 7:52 pm
    Permalink

    Olá, sou formado em Engenharia De Produção no Brasil, mas trabalho como Estimador / Analista de Custos em uma multinacional. MInha esposa esta adquirindo a cidadania italiana e logo depois será a minha por matrimonio. Como posso sair do Brasil, e ir para a EUropa em busca de um emprego com o visto ainda de turista.? muito obrigada

  • 7 de maio de 2018 em 2:31 am
    Permalink

    Que Deus a abençoe… Cada dia mais. Obg.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *