Morar fora: 99 X 1

Morar fora e 99X1
Arte: Vagas pelo Mundo

E você, por incrível que pareça, vai se lembrar daquele um(a).

Na vida, você vai encontrar 99 pessoas que sempre tiveram vontade de morar fora, porém apenas uma realmente teve coragem e foi. Quando você contar que está pensando em morar fora, 99 pessoas vão dizer que conhecem alguém que foi e que, supostamente, nunca mais vai voltar. Porém, sempre terá uma pessoa que foi e teve que voltar, mas que se arrepende da decisão e vai lhe dizer que, se fosse hoje, não teria voltado.





De cada 100 pessoas, 99 não consegue parar de reclamar e apenas uma é capaz de conseguir enxergar a vida por outro espectro, por cima da caixa. 99 pessoas lhe dirão, sem medo, que se a vida delas tivesse caminhado de outra forma, morar fora, com certeza, hoje estaria em primeiro plano. Será mesmo?! — eu não acho, simplesmente porque prefiro acreditar que o destino é a gente que faz e que protelar é sempre uma escolha mais fácil e segura.banner-quadrado-autoor

99 pessoas irão ter inveja da sua força, do seu enorme desejo de morar fora e viver em outro lugar, porém somente uma desejará, com sinceridade, o seu sucesso onde quer que seja. Quando você partir, apenas uma pessoa restará nas 99 que você conhece e, depois de algum tempo, as tais 99 nem sequer se lembrarão que você existe. Isso, especialmente, se você “der certo”, porque caso necessite voltar, aguarde que, espaçadamente, as 99 irão aparecer para lançar aquele olhar de reprovação com satisfação e um “eu sabia” passando na testa.

Quando você partir, irá cruzar pela estrada aqui fora por dezenas de pessoas e 99 delas irão lhe dizer palavras que não lhe acrescentarão em nada a sua experiência. Porém, uma delas irá emprestar o seu ombro e lhe dirá palavras que você nunca imaginou ouvir de um estranho e sim, essa pessoa se tornará sua amiga para o resto da vida. Mas, uma dica, não perca tempo pensando na maioria, pois a maioria não perde um segundo sequer pensando em você.

Depois que a sua vida entrar no eixos e você estiver morando fora há algum tempo, você olhará para trás e vai perceber que 99 por cento das pessoas nunca torceram de verdade pelo seu sucesso. Mas você reservará um precioso espaço em seu coração para ver que, aquela única pessoa que torcia, aquela mesma que acendia velas e rezava baixinho para que você encontrasse a felicidade na próxima esquina estará lá, para sempre. Ah, talvez ela nunca lhe conte que incluía você em suas orações, mas você vai sentir isso e jamais conseguirá explicar como para ninguém.

Você e somente você entre outras 99 pessoas sabe do que eu estou falando. A aventura de morar fora, de sair debaixo da asa de quem lhe ama, de abrir mão do certo para se jogar e mergulhar de cabeça no mar gelado da dúvida e da incerteza é sua. Quando você vai dormir e faz aquele resumo do dia, uma breve resenha da sua vida, você é apenas um em 99 que está se enfrentando, que não aguentou a mesmice da vida e que engole suas angustias e encara os seus medos aqui, aí ou em qualquer lugar desse mundo.banner-venda-livro-vazado-1

99% das pessoas que acordam longe de casa pensam em voltar, mas apenas uma realmente compreende a grandeza do projeto que é morar fora. Não, o desejo de partir para o novo não costuma passar e só você, o 1% que resta é que vai batalhar como nunca para fazer esse novo, o diferente, o frio, o distante que não fala o seu idioma e que come uma comida tão diferente da que você está acostumado se tornar a sua casa daqui em diante.

Morando fora você conseguirá sentir que a vida é feita de um em um, de um amigo aqui, outro acolá. Vai perceber que se você dedicar 1% do seu tempo para realizar o seu sonho será suficiente e que 99% da nossa vida a gente gasta sonhando com coisas que a gente jamais vai conseguir realizar. Aliás, se a gente conseguisse realizar 1% dos nossos sonhos perceberíamos que o nosso tempo por aqui é bem curto.

Um sentimento seguido do outro, uma a uma e a experiência de se enfrentar e partir para o desconhecido vai sendo construída. Um dia após o outro e quando você percebe já passou a primeira semana, o primeiro mês, o primeiro ano e você ainda está por aqui. É assim, é morando fora que a gente deixa de ter o olho maior que a barriga e aprende, sem muita firula, que se a gente se aguentar apenas mais um dia, talvez amanhã a vida seja um pouco menos complicada e as coisas comecem a dar certo.

banner-facebook-newsletter

Se você pretende morar fora, comece a valorizar aquela única pessoa que torce por você e trate de não dar muita moral para as outras 99 que insistem que a sua vida precisa e deveria ser igual a delas. Se você já mora fora, tente se tornar aquele “um” ou “uma” que vai emprestar o ombro e que vai dizer palavras de alento para quem veio e não está aguentando o tranco aqui fora.

Tente deixar de fazer parte de uma maioria que não será lembrada pelas coisas boas que faz e diz, pois talvez você esteja perdendo a oportunidade de se tornar o melhor amigo de alguém ou, quem sabe, até de encontrar o grande amor da sua vida nessa louca aventura que é morar fora.

E aí, em 99 pra um, de que lado você está?


Claudio Abdo

Cláudio é brasileiro e mora em Portugal desde 2014. Mestre em Ciências da Comunicação, faz Doutorado em Estudos de Comunicação. Apaixonado por rock and roll, conheceu o beatle Paul McCartney pessoalmente. Sempre com uma boa história na ponta da língua, escrever é uma de suas paixões. Cláudio é autor do livro “Morar fora: sentimentos de quem decidiu partir”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *