Como estudar na Espanha

Estudar na Espanha
Foto: Alma de Viajante. Arte: Vagas pelo Mundo

Saiba tudo sobre como fazer o visto de estudo para Espanha.

Estudar na Europa é o sonho de muitos brasileiros, seja para fazer um curso de idiomas, graduação, Mestrado, Doutorado ou Pós-Doutorado. Ter essa experiência no currículo podem te abrir muitas portas, além do crescimento pessoal, quem estuda fora fica mais confiante no outro idioma e amplia seus horizontes e conhecimentos. Hoje vamos te dar todas as dicas de como estudar na Espanha e como solicitar o visto para morar no país europeu.





Estudar na Espanha

O primeiro passo para conseguir estudar na Espanha é planejamento. Se você pretende fazer um curso com mais de 3 meses de duração irá precisar de um visto de estudo. Por isso, é preciso planejar tudo com tempo para fazer seu passaporte, seguro de viagem, matrícula, visto e etc.

Veja também: como estudar e trabalhar em Portugal

Primeiro passo

O primeiro passo para conseguir estudar na Espanha é ter conhecimento na língua espanhola e se candidatar a uma universidade no país. Os processos seletivos (principalmente para Pós-graduação, Mestrado, Doutorado, Pós-Doutorado) são relativamente simples e a maioria das universidades espanholas reservam vagas para estudantes estrangeiros, ficando mais fácil a entrada.

Você deve pesquisar sobre o curso que tem interesse, universidade ou cidade que gostaria morar e verificar as opções de programas para a sua área de atuação. É importante também verificar os prazos das candidaturas e os valores anuais do curso. Ou então, você pode tentar uma bolsa de estudos na Espanha.

O curso escolhido precisa ter mais de 15 horas letivas presenciais por semana para a obtenção do visto de estudo no país (cidadãos europeus não necessitam do visto).

Veja também: como fazer o Visto de trabalho para Espanha

Visto de estudo Espanha

Para solicitar o visto de estudo na Espanha, você precisará além da carta de aceitação da universidade, os seguintes documentos para apresentar pessoalmente no Consulado da Espanha no Brasil:

  1. Formulário de solicitação de visto (original e cópia);
  2. Passaporte válido (com validade superior a estada no país e com duas folhas em branco) – original;
  3. RG (original e cópia);
  4. Carta de aceitação da universidade (original e cópia);
  5. Título acadêmico ou certificado das matérias cursadas no Brasil (com a Apostila da Convenção da Haia – original e cópia);
  6. Seguro de saúde (original e cópia);
  7. Atestado médico (com a Apostila da Convenção da Haia – original e cópia);
  8. Certificado de antecedentes criminais (para maiores de 18 anos) – (com a Apostila da Convenção da Haia – original e cópia);
  9. Para menores de idade, é necessário ter a autorização de viagem do pai e da mãe (reconhecidos em cartório);
  10. Pagamento da taxa do Consulado da Espanha no valor de R$ 212,00.

Além disso, pode ser solicitado comprovantes de meios de subsistência no país (comprovantes de renda, Imposto de Renda, extratos bancários seus ou dos seus pais, etc). É preciso ter dinheiro para se manter no país, para que o visto seja aprovado.

Saiba mais no site do Consulado da Espanha.

banner-venda-livro-vazado-1Intercâmbio na Espanha

Para quem ainda não tem a graduação concluída e quer aperfeiçoar seu espanhol e ter uma experiência no exterior, pode se candidatar para fazer um intercâmbio na Espanha ou até mesmo cursos intensivos de línguas durante o Verão.

O intercâmbio durante a graduação é feito entre universidades com parcerias, por isso é preciso entrar em contato com o setor de Relações Internacionais da sua universidade no Brasil e verificar a lista de universidades parceiras na Espanha. Você pode estudar durante um ou dois semestres na Espanha e fazer disciplinas do seu curso. Muitas vezes é difícil validar essas disciplinas, mas só a experiência de estudar no exterior podem melhorar muito seu currículo e te abrir portas para o mercado de trabalho no futuro.

Confira o ranking das melhores universidades do mundo

Ano letivo na Espanha

Importante saber que o ano letivo na Espanha (assim como na Europa) inicia no mês de setembro. Normalmente as candidaturas para Mestrado e Doutorado são feitas durante os meses de maio, junho e julho. E os resultados podem sair apenas em julho, por isso, é importante pesquisar sobre toda a documentação necessária e agilizar tudo para dar tempo de preparar o visto, comprar as passagens, etc. Faça um check-list de tudo que precisa fazer e boa sorte!!!