Será que vale a pena largar tudo e partir?

vale a pena largar tudo
Foto: GuiaInvest.

Por vezes nos enganamos tanto dizendo a nós mesmos que temos muito, mas na verdade não temos quase nada. Será que vale a pena largar tudo e partir?

Uma das coisas mais difíceis na hora de tomar uma decisão é quando começamos a ponderar todos os prós e contras. É natural nos sentirmos ansiosos, inseguros, temerosos e muitas vezes confusos, diante de circunstâncias que nos exijam coragem, atitude e audácia. Por vezes achamos que a vida que temos é muito boa e por isso ficamos na dúvida se devemos largar tudo e nos aventurarmos em algo novo, seja para morar fora ou para retornar para casa. 


Será que vale a pena largar tudo e partir?

Estamos tão acostumados com a vida que temos que parece que não existem outras boas opções, realidade essa que nos priva de vivermos algo novo e surpreendente. Neste momento você pode estar pensando “Mas Vitor, minha vida realmente é boa, estou estável no trabalho, tenho conforto em casa, estou bem acompanhado no relacionamento e minha família está com saúde…”. Talvez tudo isso seja verdade, mas se você está lendo esse texto é porque algo em você o incomoda para mudar. 

Precisamos expandir a nossa percepção sobre mudança, nós mudamos porque podemos, mudamos porque desejamos e mudamos porque faz bem mudar. Não precisamos alterar a nossa vida quando ela não está bem, se sua vida está muito boa isso significa que seu processo de mudança pode ser mais tranquilo, fluído e duradouro. Se todas as coisas estão certas na sua vida, esse é mais um motivo que devemos mudar, acolher novos desafios, conhecer coisas novas e viver uma realidade repleta de surpresas e sem tantas previsibilidades. 

Quando foi que você deixou de se desafiar?

Morar fora é uma experiência única

Morar fora é uma experiência única, seja ela positiva ou negativa, tudo vai depender da forma como a encaramos, das circunstâncias que nos colocamos e da estrutura que criamos. Planejamento, organização, criatividade e coragem são ingredientes necessários para vivermos em qualquer lugar do planeta. Esteja atento às suas necessidades, possibilidades e vontades, essa clareza nos coloca em uma posição segura e nos auxilia a entender melhor tudo o que vai acontecendo. 

Essa realidade é um pouco parecida quando vivemos no exterior e desejamos voltar para casa. Após um tempo chegamos a conclusão que vivemos o que precisávamos viver, viajamos, estudamos, nos perdemos e nos encontramos.

Quando esse momento chega precisamos refletir se retornar para casa pode ser um bom negócio, quais as vantagens, desvantagens, o que podemos ganhar e o que podemos perder. Essa reflexão é bastante poderosa pois colocamos na balança a experiência de morar fora e o viver novamente em nossa cultura. 

O quanto você se aproxima da realidade que deseja viver?

Passado, presente e futuro

Em algum momento desta trajetória nos depararemos com o nosso passado, presente e futuro, circunstância essa que precisaremos encarar de frente e sermos justos com a nossa história. Não há espaço para medo, ansiedade ou angústia, apenas para vivermos o que merecemos viver, seja em que parte do mundo estivermos. Morar fora ou em nossa terra natal são igualmente especiais, a diferença consiste onde seu coração está. Não há mais tempo a perder, ou realizamos nossos sonhos hoje ou talvez não exista um amanhã. 

Será que vale a pena largar tudo e partir? Nós estamos falando de que “tudo” mesmo? Por vezes nos enganamos tanto dizendo a nós mesmos que temos muito, mas na verdade não temos quase nada. Neste mundo nada é nosso, tudo é emprestado e estamos de passagem.

Devemos aproveitar essa oportunidade para sermos livres, leves e soltos, no real sentido de cada uma destas palavras. Chega de enganar-se, é momento de ser o que desejamos, de viver o que sonhamos e acima de tudo, de nos acolhermos! 

Não busque no exterior aquilo que só encontrará internamente.

*Caso você deseje me acompanhar pelas redes sociais, sugerir novos conteúdos e conferir mais dicas como essas, acesse o meu Instagram. Fale comigo também pelo WhatsApp.

Vitor Luz

Vitor Luz possui formação em Jornalismo e Psicologia e ao longo da sua trajetória profissional pode se dedicar a busca de novos conhecimentos e fez uma formação em Inner Vision, Programação Neurolinguística – PNL e Certificação Internacional em Master Coaching Mentoring e Holomentoring – ISOR. Atualmente mora na cidade do Porto em Portugal para fazer um Mestrado em Psicologia, na área da Psicogerontologia. Enquanto Psicólogo Nômade Digital realiza atendimento online para brasileiros espalhados pelo mundo, os auxiliando a lidar com a saudade, medo, solidão, desilusões amorosas, relacionamentos afetivos e transição de carreira.

blank

One thought on “Será que vale a pena largar tudo e partir?

  • blank
    29 de outubro de 2021 em 12:09 pm
    Permalink

    Acho que essa frase “eu quero sair da zona de conforto” é um pouco contraditória, pois se alguém quer sair dessa zona, é porque não está mais confortável. Muitas pessoas tem tudo que precisam mas muitas delas também se sentem insatisfeitas com a vida que levam por viverem a mesma coisa todos os dias. Mudar é necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *