10 empregos em alta no Reino Unido e com escassez de trabalhadores

empregos em alta no Reino Unido
Foto: KraftCPAs.

Os empregos em alta no Reino Unido mostram que a nação enfrenta um crise para preencher vagas. Saiba mais!

A economia do Reino Unido está sofrendo uma escassez aguda de trabalhadores, com vagas em níveis recordes, de acordo com dados oficiais publicados pelo governo. A crise levou ao aumento de pedidos de intervenção governamental em setores-chave, já que o recrutamento é dificultado por uma combinação de deficiências pós-pandemia e regras de imigração depois do BREXIT.


Empregos em alta no Reino Unido

Segundo reportagem publicada pelo canal de notícias Sky News, a Confederação de Recrutamento e Emprego (Recruitment and Employment Confederation — REC) informou que havia 1,66 milhão de vagas no final de agosto de 2021, número que deve continuar aumentando nos próximos meses.

As empresas, incluindo cadeias de supermercados, fast food e pubs, estão unidas para exigir que os ministros britânicos estendam a Lista de Ocupação de Escassez (Shortage Occupation List) para permitir que mais trabalhadores do exterior, incluindo a União Europeia, preencham vagas no Reino Unido em empregos críticos.

Vagas na Pret a Manger: rede vai abrir 100 novas lojas e criar 2 mil postos de trabalho no Reino Unido.

Lista com os 10 empregos em alta no Reino Unido

Aqui está uma lista de 10 empregos em alta no Reino Unido. O ranking foi criado de acordo com o REC e dados da indústria, a escassez de trabalhadores está entre as mais graves. Ao lado de cada ocupação está a quantidade de profissionais em falta neste momento no Reino Unido:

  • Carpinteiros e marceneiros – Trabalhadores em falta: 6.364;
  • Instaladores de produção e manutenção de metalurgia: 19.748;
  • Limpadores e domésticos: 24.148;
  • Assistentes de vendas e varejo: 26.183;
  • Chefs de cozinha: 29.996;
  • Profissionais de ensino de educação infantil e fundamental: 30.574;
  • Cuidadores e cuidadores domiciliares: 49.751;
  • Programadores e profissionais de desenvolvimento de software: 68.929;
  • Enfermeiros: 79.123;
  • Motoristas de Caminhão: + de 100 mil.

Veja mais: Aldi vai abrir mais de 2 mil vagas de trabalho no Reino Unido.

Urgência em busca de medidas que facilitem a contratação

A Confederação da Indústria Britânica (Confederation of British Industry — CBI) apelou para que a Shortage Occupation List, que permite às empresas recrutar trabalhadores qualificados da União Europeia e do resto do mundo, seja alargada a todos os soldadores especializados, bem como a açougueiros e pedreiros.

A Road Haulage Association tem argumentado consistentemente que os motoristas de veículos pesados ​​devem ser incluídos no esquema conforme as vagas aumentaram de um nível pré- COVID de 60 mil para mais de 100 mil, ameaçando inclusive uma interrupção da distribuição mais ampla à medida que a temporada de Natal se aproxima.

Os empregos incluídos na lista aprovada pelo governo atualmente incluem todos os profissionais de saúde, veterinários, arquitetos, engenheiros, cientistas e até músicos de orquestra.

*Conheça também o nosso canal do Youtube, com várias dicas para morar no exterior. Inscreva-se no canal e ative o sininho para receber notificações de novos vídeos:

Cláudio Abdo

Cláudio é brasileiro e mora em Portugal desde 2014. Mestre em Ciências da Comunicação e Doutor em Estudos de Comunicação, é apaixonado por rock and roll e conheceu o beatle Paul McCartney pessoalmente. Sempre com uma boa história na ponta da língua, escrever é uma de suas paixões. Cláudio é autor do livro “Morar fora: sentimentos de quem decidiu partir”.

blank

One thought on “10 empregos em alta no Reino Unido e com escassez de trabalhadores

  • blank
    7 de setembro de 2021 em 9:11 am
    Permalink

    Com a idade de 44 anos também pode ser contratado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *