Vagas de emprego na Bélgica: país com número recorde de oportunidades

vagas de emprego na Bélgica
Foto: Many More Maps.

As vagas de emprego na Bélgica estão em alta e bateram recorde com mais de 205 mil oportunidades no país europeu. Saiba mais!

A Bélgica bateu o recorde de vagas de emprego no primeiro trimestre de 2022. As empresas belgas criaram 205.877 ofertas de trabalho no país europeu contra 196.140 no mesmo período do ano passado, segundo a Statbel, agência de estatísticas da Bélgica. Veja quais são as áreas mais promissoras e com mais ofertas de trabalho na Bélgica!


Vagas de emprego na Bélgica

O número de vagas está crescendo de maneira constante desde 2013 na Bélgica e agora está em seu ponto mais alto já registrado. A informação foi publicada pelo jornal The Brussels Times e diz que a taxa de vacância, o número de vagas em relação ao total de empregos nas empresas, também subiu de 4,72% para 4,83%. As novas vagas de emprego aumentaram no início de 2021, após uma forte recuperação da pandemia.

Entre o quarto trimestre de 2020 e o terceiro trimestre de 2021, o número total de cargos permanentes aumentou cerca de 70%. A Bélgica está atualmente registrando um alto nível de emprego devido a uma forte recuperação após a pandemia. Atualmente, o emprego está em torno de 70%, mas há esperanças de aumentar isso para cerca de 80%, encontrando empregos para 300.000 candidatos a emprego e 400.000 outros belgas.

Leia também: melhores empresas para trabalhar em Luxemburgo.

Vagas com base na localização e tamanho

Os dados mostram que a maioria das vagas de emprego se encontra na região de Flandres (67,95%). No total, houve mais 6.232 novos empregos em Flandres em relação ao final do ano passado, enquanto 19,62% das vagas de emprego podem ser encontradas na Valônia e 12,43% na região de Bruxelas-Capital. A taxa de oferta de emprego também é muito maior em Flandres, com 5,51%, em comparação com 3,77% na Valônia.

Os dados também revelam algumas dinâmicas interessantes no emprego na Bélgica. Existem 4,5 vezes mais vagas de emprego nas grandes e médias empresas na Bélgica do que nas pequenas. No entanto, a taxa de vacância de empregos entre as pequenas empresas é muito maior (6,98%) do que nas médias e grandes empresas (4,53%).

Empresas que patrocinam visto no Canadá: veja a lista.

Maior número de vagas em organizações sem fins lucrativos

Mais de três quartos de todos os empregos na Bélgica foram encontrados nos setores sem fins lucrativos, serviços científicos e administrativos, manufatura, comércio atacadista e varejista e construção. De longe, a maior quantidade de vagas de emprego na Bélgica estava disponível nos setores sem fins lucrativos, que são atraídos para o país por conta de sua localização e proximidade com instituições europeias. Mais de um quinto de todas as ofertas de emprego disponíveis no país são oferecidas por este setor.

Outros 17% das vagas de emprego estão em “ciências e serviços”. A Bélgica é um grande produtor de produtos químicos e farmacêuticos, com grandes corporações de todo o mundo contratando para cargos na Bélgica. Da mesma forma, mais 15% das vagas estão na indústria (ou seja, fábricas, manufatura).

Vagas de trabalho no Canadá: país registra mais de 1 milhão de empregos.

Vagas de emprego na Bélgica: áreas com mais oportunidades

A maior proporção de vagas no total de empregos em empresas na Bélgica é encontrada no setor de hospitalidade, onde há uma parcela de 9,5% das oportunidades. Este setor tem lutado para preencher cargos desde que a pandemia o atingiu fortemente. Outras indústrias com altos níveis de vagas incluem informação e comunicações, construção, ciências e transporte.

Em Bruxelas, os dados mostram que os setores de ciências aplicadas, setor de saúde (paramédicos), administrativo e assistência social ofereceram as melhores taxas de emprego para jovens licenciados na capital. Ter um diploma universitário está se tornando cada vez mais importante, pois a proporção de empregos que exigem ensino superior aumentou drasticamente na última década.

Leia também: Vagas na Tesla na Alemanha: empresa tem milhares de oportunidades.

*Aproveite para ouvir o Podcast Partiu Morar Fora, disponível no Spotify, como novos episódios toda semana:

Cláudio Abdo

Cláudio é brasileiro e mora em Portugal desde 2014. Mestre em Ciências da Comunicação e Doutor em Estudos de Comunicação, é apaixonado por rock and roll e conheceu o beatle Paul McCartney pessoalmente. Sempre com uma boa história na ponta da língua, escrever é uma de suas paixões. Cláudio é autor do livro “Morar fora: sentimentos de quem decidiu partir”.

blank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *