Como vai o auto-acolhimento?

auto-acolhimento
Foto: Freepik.

Aprender a cuidar da gente mesmo exige inteligência e autoconhecimento. Saiba como praticar o auto-acolhimento.

Esse é um assunto pouco refletido e me parece que nem sempre damos atenção a ele. O auto-acolhimento consiste em uma série de atitudes e escolhas que fazemos objetivando o amparo das nossas necessidades, movimento esse muitas vezes negligenciado em nossa vida.

Morar fora é um verdadeiro privilégio, mas para que a experiência seja saudável, enriquecedora e inspiradora precisamos ter alguns cuidados. Um deles é a atenção no assunto saúde mental


2020: o ano desafiador para humanidade

O ano de 2020 tem sido um verdadeiro desafio para humanidade, aqueles que desejavam viajar tiveram seus voos cancelados, os que desejavam voltar para casa ficaram impedidos por um momento, quem ansiava por estudar fora adiou o sonho e quem planejava trabalhar no exterior guardou o passaporte na gaveta, dentre outras realidades.

Com uma série de frustrações como essas é inevitável que nossa motivação reduza, que foquemos nos problemas e que deixemos soluções criativas de lado, movimento esse que requer atenção e muito cuidado.

Se as coisas estiverem ruins, foque na solução.

Nosso foco é mantido diante de situações que nos revelam o quanto estamos avançando e prosperando rumo ao que escolhemos e quando isso é comprometido, tendemos a desacelerar rumo ao que desejamos. 

Para entendermos melhor sobre o que precisamos fazer para nos acolhermos, existe algo que é fundamental que possamos conquistar, que é o autoconhecimento. Por meio dele podemos conhecer nossos pontos fortes, fracos e tudo aquilo que precisamos melhorar.

Quando sabemos o que nos agrada ou desagrada temos a chance de agirmos mais assertivamente para cultivar uma atmosfera fluída e saudável para nossa mente e coração.

Sei que essa não é uma tarefa fácil e o que pode te ajudar é parar um pouco. Escolha um local tranquilo, coloque uma boa música e faça uma listinha das coisas que te deixam feliz e outra do que te entristece. Essa atividade parece simples, mas pode durar algumas horas.

Depois você pode escrever sobre você mesmo, conte uma história para alguém que não te conhece, apresente sua melhor versão para essa pessoa, se surpreenda com tudo isso. 

Morar fora: cuidado com suas as prioridades.

Como praticar o auto-acolhimento

Existem algumas maneiras de nos acolhermos diante deste cenário de pandemia, são eles:

  • Organize seu ambiente físico, harmoniza o espaço que você vive, estude referências, busque ajuda de especialistas. A aromaterapia, o Feng Shui, dentre outras teorias podem expandir sua consciência no tocando ao bem-estar. 
  • Elimine da sua vida tudo o que te desagrada, roupas, livros, tralhas, sentimentos, energia e pessoas. Por vezes mantemos determinadas coisas que só drenam nossa energia, pratique o desapego. 
  • Foco no conforto, escolha uma boa cadeira para estudar, transforme seu cantinho de estudos em um local inspirador e por fim crie seu mural dos sonhos, busque olhar pra ele com uma perspectiva realizadora. 
  • Esteja atento aos sinais do corpo, busque se alimentar de forma saudável, alongue seu corpo e fortaleça suas emoções, essa tríade é poderosa e se negligenciada você pode pagar um preço muito alto. Consulte especialistas para entender como ter êxito nestas áreas. 
  • Por fim, mantenha em sua bagagem exatamente o que precisará em sua jornada, todo excesso esconde uma falta, esteja atento. 
*Caso você deseje me acompanhar pelas redes sociais, sugerir novos conteúdos e conferir mais dicas como essas, acesse o meu Instagram. Fale comigo também pelo WhatsApp.

Lembre-se sempre: Pedir ajuda não é prova de fraqueza.

Vitor Luz

Vitor Luz possui formação em Jornalismo e Psicologia e ao longo da sua trajetória profissional pode se dedicar a busca de novos conhecimentos e fez uma formação em Inner Vision, Programação Neurolinguística – PNL e Certificação Internacional em Master Coaching Mentoring e Holomentoring – ISOR. Atualmente mora na cidade do Porto em Portugal para fazer um Mestrado em Psicologia, na área da Psicogerontologia. Enquanto Psicólogo Nômade Digital realiza atendimento online para brasileiros espalhados pelo mundo, os auxiliando a lidar com a saudade, medo, solidão, desilusões amorosas, relacionamentos afetivos e transição de carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *