Morar Fora não precisa ser uma escolha de risco, aprenda a se organizar

morar fora não precisa ser uma escolha de risco
Foto: iStorage.

A vida no exterior pode ser ainda melhor quando planejada e estudada. Morar Fora não precisa ser uma escolha de risco, veja dicas para se organizar.

Jogar tudo para o alto, arriscar uma nova vida no exterior e pegar o primeiro voo para viver uma nova realidade nem sempre é um bom plano, afinal de contas, morar fora não nos traz garantia nenhum de sucesso ou prosperidade, mas se você deseja colocar o pé na estrada de modo o qual não se arrependa e que possa se orgulhar amanhã, vamos até o fim deste texto comigo. 


Morar Fora não precisa ser uma escolha de risco, aprenda a se organizar

Durante minha jornada enquanto Psicólogo Nômade Digital pude conhecer várias pessoas e suas respectivas histórias, uma mais original do que a outra. O que torna a jornada singular é a forma como a construímos e entender o que estamos fazendo é essencial para o êxito no final.

Semanalmente recebo mensagens de pessoas dizendo; “vou arriscar e vou morar fora…”, “não aguento mais a realidade do país que vivo, vou morar fora”, “por aqui está tão ruim, que talvez morar fora seja a melhor coisa que devo fazer…”, “estou cansado da vida que tenho, só me resta morar fora, vou jogar tudo para o alto…”. 

Esses pensamentos inundam a mente de muitas pessoas ao redor do mundo, afinal de contas compartilhamos realidades parecidas, a insatisfação com a própria vida, seja em qualquer que país estejamos.

Muitas vezes acreditamos que somos os únicos que vivem determinadas realidades, mas quando paramos para ouvir a história dos outros, nos surpreendemos em saber que existem outras pessoas no mesmo barco que estamos e por incrível que pareça, desejamos chegar no mesmo lugar, em uma vida diferente. 

10 coisas que você deve planejar antes de sair do país.

Para morar fora é preciso inteligência e foco

Morar fora pode e deve ser um processo que devemos lidar com amor, carinho, atenção, cuidado, sabedoria, inteligência, paciência, organização, foco e consciência. Não precisamos arriscar para viver os nossos sonhos, quando colocamos nestes termos parece que estamos lidando de qualquer jeito com a nossa própria vida “eu sou arriscar, se não der certo eu me viro…”, mas gostaria que você soubesse que não precisa ser assim. 

Para tudo na vida existe um processo, começo, meio e fim, pular essas etapas não nos faz mais rápidos, só torna a jornada mais arriscada e gostaria que soubesse que não precisa ser assim.

Se você tem dificuldades com organização, planejamento e processos, chegou o momento de desenvolver essas habilidades e conversar com quem é bom no assunto, afinal de contas a vida no exterior exige comportamentos assertivos e uma mente bem trabalhada. 

Cuidado com as ilusões que alimenta.

Tenha cuidado com suas escolhas, planeje cada etapa

Na eminência de não conseguirmos planejar, organizar, criar processo e executá-los, colocamos na cabeça que devemos fazer do jeito que aprendemos e talvez isso seja uma forma de no futuro voltar para casa mais cedo do que imaginas.

Refletir sobre essas questões são importantes pois quando desejamos morar fora ficaremos por nossa própria conta, sem rede de apoio, sem a possibilidade do jeitinho, sem influência, sem todas as autorizações legais no país, sem diversas possibilidades que nos empoderam no nosso país de origem. 

Aprenda a se levar a sério, respeite sua trajetória, honre quem você se tornou e tenha muito cuidado com as escolhas que deseja fazer. Fortaleça seu amor próprio, aprenda a se relacionar com suas emoções, entenda seus sentimentos, conduza seus pensamentos e gerencie seus comportamentos.

Morar fora nos coloca longe de tudo o que conhecemos e isso pode ser um desafio gigantesco, cuide-se!

Leia também: Respeite suas necessidades e conquiste o amor próprio.

*Caso você deseje me acompanhar pelas redes sociais, sugerir novos conteúdos e conferir mais dicas como essas, acesse o meu Instagram. Fale comigo também pelo WhatsApp.

*Aproveite para ouvir também o Podcast Partiu Morar Fora, com várias dicas de planejamento para mudar de país! São mais de 140 episódios e você pode ouvir no seu Spotify:

Quais são os sacrifícios que você está disposto a fazer?

Vitor Luz

Vitor Luz possui formação em Jornalismo e Psicologia e ao longo da sua trajetória profissional pode se dedicar a busca de novos conhecimentos e fez uma formação em Inner Vision, Programação Neurolinguística – PNL e Certificação Internacional em Master Coaching Mentoring e Holomentoring – ISOR. Atualmente mora na cidade do Porto em Portugal para fazer um Mestrado em Psicologia, na área da Psicogerontologia. Enquanto Psicólogo Nômade Digital realiza atendimento online para brasileiros espalhados pelo mundo, os auxiliando a lidar com a saudade, medo, solidão, desilusões amorosas, relacionamentos afetivos e transição de carreira.

blank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *