Lançamento do ETIAS adiado: União Europeia muda a data de início

lançamento do ETIAS
Foto: Epuzzle.

O lançamento do ETIAS foi adiado pela União Europeia para novembro de 2023, seis meses a mais do que o previsto. Saiba tudo!

A União Europeia adiou o lançamento do Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem (ETIAS) por mais seis meses até novembro de 2023. A autorização de viagem que será solicitada para os viajantes que querem entrar em um país do bloco estava programada para ficar totalmente operacional até maio de 2023. Porém, sem qualquer aviso ou declaração oficial, a Comissão da União Europeia atualizou a data para novembro de 2023. Saiba mais a seguir.


Lançamento do ETIAS Adiado

O adiamento do lançamento do ETIAS foi informado pelo portal de notícias Schengen Visa Info. Aliás, o site de notícias da União Europeia entrou em contato com a Comissão da UE sobre a recente alteração da data de lançamento do ETIAS e as razões por trás disso, mas não recebeu resposta até agora. “Espera-se que o ETIAS esteja operacional em novembro de 2023”, a Comissão atualizou as informações em uma página informativa sobre o ETIAS no âmbito da Migração e Assuntos Internos.

O ETIAS é uma autorização de viagem que mais de 1,4 bilhão de viajantes de mais de 60 países do mundo, incluindo brasileiros, americanos, britânicos, albaneses, australianos, canadenses e mais, terão que obter antes de sua viagem aos países da União Europeia (UE). Atualmente, esses viajantes podem viajar para a União Europeia sem visto, pois seus países têm um acordo de isenção de visto em vigor com a UE.

JMJ Lisboa 2023: falta um ano para a visita do Papa Francisco a Portugal.

Bilhões de Pessoas Impactadas

“Cerca de 1,4 bilhão de pessoas de mais de 60 países ao redor do mundo se beneficiam da isenção de visto para a União Europeia”, destacou a Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (Frontex) em um comunicado de imprensa divulgado no final de 2021. O esquema estava programado para entrar em vigor em 2022 e depois foi adiado para o final deste ano.

Mais tarde, a data em que essa exigência se torna obrigatória para os viajantes foi transferida para 1º de maio de 2023, e agora o mesmo foi adiado por mais seis meses, para 23 de novembro, sem nenhum aviso prévio ou motivos por trás de tal mudança.

Leia mais: conheça os erros mais comuns de brasileiros na primeira viagem de trem pela Europa.

Críticas ao Sistema

A exigência gerou muitas críticas, principalmente no ex-membro da União Europeia, o Reino Unido, onde muitos acreditam que o ETIAS é igual a um visto de viagem. Na verdade, o ETIAS não poderia ser mais diferente do que um visto, pois os viajantes que precisam obtê-lo precisam apenas preencher um pequeno formulário online e fazer o upload de uma digitalização de seu passaporte.

A taxa para um ETIAS será de € 7 (sete euros) e pode ser paga de maneira online. Não é necessário marcar uma consulta numa embaixada da UE ou fornecer dados biométricos. Embora a maioria dos britânicos ache que o ETIAS é um pouco excessivo para eles, alguns especialistas em viagens acreditam que o mesmo facilitará os atrasos nas fronteiras entre a UE e o Reino Unido.

Visitar o Reino Unido: turistas da União Europeia terão que solicitar permissão.

Lançamento do ETIAS: Reino Unido Também quer Sistema de Controle

“Ter um ETIAS significa que os britânicos poderão pular algumas das verificações a que estão submetidos agora, pois todas as suas informações estarão disponíveis em seu ETIAS. Os guardas de fronteira nem precisarão fazer as perguntas que fazem agora”, observa Besart Bajrami, fundador do SchengenVisaInfo.com.

O Reino Unido também está trabalhando em um esquema semelhante que será chamado de Autorização Eletrônica de Viagem, e o mesmo processará cerca de 30 milhões de solicitações de entrada no país por ano.

Outros países do mundo também têm esses esquemas em vigor, incluindo os Estados Unidos, que solicitam aos viajantes de cerca de 40 países do mundo que obtenham uma Autorização de Viagem do Sistema Eletrônico, logo conhecida como ESTA, para viajar para o país sem visto para fins de turismo e negócios.

Aproveite para ler: Verão na Europa: 7 dicas que você precisa saber para viajar de trem.

*Conheça também o nosso canal do Youtube e confira os vários vídeos sobre a Europa:

Cláudio Abdo

Cláudio é brasileiro e mora em Portugal desde 2014. Mestre em Ciências da Comunicação e Doutor em Estudos de Comunicação, é apaixonado por rock and roll e conheceu o beatle Paul McCartney pessoalmente. Sempre com uma boa história na ponta da língua, escrever é uma de suas paixões. Cláudio é autor do livro “Morar fora: sentimentos de quem decidiu partir”.

blank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *