Conheça o ranking dos 100 melhores MBAs do mundo em 2021

melhores MBAs do mundo em 2021
Foto: Freepik – lookstudio.

Publicação do Financial Times apresenta o ranking dos 100 melhores MBAs do mundo. Confira!

Todos os anos o Financial Times publica o ranking dos 100 melhores MBAs do mundo. E a lista de 2021 acaba de ser disponibilizada e mostra quais são as instituições de ensino que detém os melhores cursos da área de administração e negócios. Entretanto, as escolas de negócios dos Estados Unidos continuam a dominar a oferta dos melhores MBAs do mundo.


O que é um MBA?

Inicialmente, é importante explicarmos o significado de MBA, pois muitas pessoas confundem a sigla de origem inglesa. MBA significa ‘Master in Business Administration‘ e em uma tradução para o português quer dizer Mestre em Administração de Negócios, porém no Brasil ele é reconhecido como um curso de especialização (normalmente feito antes do Mestrado).

Contudo, é importante dizer que um MBA é um curso de formação direcionado para pessoas com interesse na área de administração, entre outras áreas, e que estão focadas no mercado de trabalho e não na academia. Isso porque entre as disciplinas estudadas no curso estão: finanças, contabilidade, recursos humanos e marketing, por exemplo.

Além disso, um MBA tem um viés mais mercadológico e menos acadêmico, pois as pessoas que pretendem atuar nas universidades geralmente optam por um Mestrado ou Doutorado. Porém, a seguir vamos explicar a diferença entre MBA e uma pós-graduação.

Leia mais: 20 empregos nos Estados Unidos para recém-formados que pagam mais de US$ 5 mil por mês.

Qual a diferença entre MBA e uma pós-graduação?

Todos os cursos que você fizer depois de se graduar serão considerados uma pós-graduação. Entretanto, os cursos podem ser de dois tipos: lato sensu (especialização) e stricto sensu (Mestrado e Doutorado). Os cursos lato sensu são voltados para o aperfeiçoamento do profissional em uma área específica e são focados no mercado de trabalho.

Já os cursos stricto sensu abordam os aspectos acadêmicos das áreas profissionais e são mais indicados para quem pretende seguir nas carreira de pesquisador ou professor universitário. Um MBA é uma pós-graduação lato sensu direcionada para profissionais que atuam no mercado, especialmente nas áreas de administração, negócios e gestão.

Veja mais: como trabalhar como enfermeiro nos Estados Unidos.

Ranking dos 100 melhores MBAs do mundo em 2021

Agora que você já sabe o que é um MBA e as diferenças entre um MBA e uma pós-graduação, chegou a hora de conhecer o ranking dos 100 melhores MBAs do mundo em 2021. Porém, ainda que a maioria das melhores instituições do mundo estejam nos Estados Unidos, dois rivais europeus aparecem na liderança do ranking e o mercado de MBAs ainda está aquecido mesmo com a pandemia.

A Insead, com sede na França e Cingapura, e a London Business School do Reino Unido ficaram em primeiro e segundo lugar no geral, à frente do curso oferecido pela Universidade de Chicago (Booth) que aparece em terceiro lugar. No entanto, metade das 100 melhores escolas avaliadas pelo ranking do Financial Time está sediada nos Estados Unidos, incluindo sete das 14 escolas no nível mais alto da classificação.

Leia também: 10 profissionais mais procurados no Canadá em 2021.

Como os rankings dos melhores MBAs do mundo são calculados

Os rankings são calculados a partir de dados que incluem salários de ex-alunos três anos após a formatura, a quantidade de pesquisas em periódicos reconhecidos e a diversidade de alunos e professores. A coleta de dados foi interrompida em 2020 por conta da pandemia, que levou várias escolas dos Estados Unidos, incluindo Harvard , Stanford e Wharton, a suspenderem a participação.

No entanto, a classificação do Financial Times e o relatório mostram que a demanda por MBAs permaneceu forte em todo o mundo. Além disso, os salários dos ex-alunos permaneceram no mesmo patamar quando foram pesquisados ​​de setembro a outubro de 2020, vários meses depois do início da pandemia e já com os danos econômicos sendo sentidos.

Veja mais: conheça o incrível motorhome para nômades digitais.

Demanda por MBAs ainda em alta

Em um sinal de interesse contínuo em MBAs, apesar das dificuldades enfrentadas por muitos alunos em potencial, as mensalidades médias aumentaram 3% em termos de dólares nas escolas de negócios que foram classificadas neste ano e em 2020. Um quarto das escolas aumentou as taxas em mais de 5%.

Os salários ponderados dos ex-alunos das escolas classificadas aumentaram, em média, pouco mais de 1% quando relatados no outono de 2020, em relação aos números coletados em 2019.

Conheça quais os trabalhos em ascensão na Austrália em 2021.

Pandemia e restrições

Com fortes restrições a viagens e bloqueios em grande parte do mundo, a proporção média de estudantes internacionais – aqueles de outros países que não o campus de origem das instituições – caiu 5%. Mas a mudança para as aulas online permitiu que muitas escolas continuassem a atrair participantes, independentemente de sua localização.

A demanda de alunos para o ano acadêmico de 2020/21 cresceu 72% dos programas de MBA em tempo integral pesquisados ​​pelo Graduate Management Admissions Council (GMAC). Para Rahul Choudaha, diretor de insights e pesquisas da indústria da GMAC, “a demanda por programas de MBA em tempo integral permanece robusta no contexto da contínua incerteza econômica”.

Ainda para Choudaha, “os candidatos reconhecem que um MBA em tempo integral pode ajudá-los a sair de uma economia instável, mais prontos para a carreira”.

Trabalho no Canadá: fui promovido em plena pandemia, conheça a história do executivo brasileiro.

Ranking dos 100 melhores MBAs do mundo em 2021

  1. Insead Featured (França/Cingapura);
  2. London Business School (Reino Unido);
  3. University of Chicago: Booth (Estados Unidos);
  4. Iese Business School (Espanha);
  5. Yale School of Management (Estados Unidos);
  6. Northwestern University: Kellogg (Estados Unidos);
  7. Ceibs (China);
  8. HEC Paris (França);
  9. Duke University: Fuqua (Estados Unidos);
  10. Dartmouth College: Tuck (Estados Unidos);
  11. University of Virginia: Darden (Estados Unidos);
  12. SDA Bocconi School of Management (Itália);
  13. New York University: Stern (Estados Unidos);
  14. National University of Singapore Business School (Cingapura);
  15. Cornell University: Johnson (Estados Unidos);
  16. University of Cambridge: Judge (Reino Unido);
  17. University of Oxford: Saïd (Reino Unido);
  18. Georgetown University: McDonough (Estados Unidos);
  19. IMD Business School (Suíça);
  20. Esade Business School (Espanha);
  21. University of Michigan: Ross (Estados Unidos);
  22. HKUST Business School (Hong Kong);
  23. Indian School of Business (Índia);
  24. University of Southern California: Marshall (Estados Unidos);
  25. Washington University: Olin (Estados Unidos);
  26. University of North Carolina: Kenan-Flagler (Estados Unidos);
  27. Carnegie Mellon: Tepper (Estados Unidos);
  28. University of Washington: Foster (Estados Unidos);
  29. HKU Business School (Hong Kong);
  30. Alliance Manchester Business School (Reino Unido);
  31. Vanderbilt University: Owen (Estados Unidos);
  32. Fudan University School of Management (China);
  33. Warwick Business School (Reino Unido);
  34. Rice University: Jones (Estados Unidos);
  35. Indian Institute of Management (Índia);
  36. Sungkyunkwan University GSB (Coreia do Sul);
  37. Nanyang Business School, NTU (Cingapura);
  38. Indiana University: Kelley (Estados Unidos);
  39. IE Business School (Espanha);
  40. University of Florida: Warrington (Estados Unidos);
  41. University of Texas at Austin: McCombs (Estados Unidos);
  42. University of California at Irvine: Merage (Estados Unidos);
  43. Michigan State University: Broad (Estados Unidos);
  44. Indian Institute of Management (Índia);
  45. Imperial College Business School (Reino Unido);
  46. Babson College: Olin (Estados Unidos);
  47. Pennsylvania State University: Smeal (Estados Unidos);
  48. CUHK Business School (Hong Kong);
  49. Indian Institute of Management (Índia);
  50. Emory University: Goizueta (Estados Unidos);
  51. Boston University: Questrom (Estados Unidos);
  52. University of Maryland: Smith (Estados Unidos);
  53. Shanghai Jiao Tong University: Antai (China);
  54. WHU – Otto Beisheim School of Management (Alemanha);
  55. Boston College: Carroll (Estados Unidos);
  56. Ohio State University: Fisher (Estados Unidos);
  57. Arizona State University: Carey (Estados Unidos);
  58. Singapore Management University: Lee Kong Chian (Cingapura);
  59. Mannheim Business School (Alemanha);
  60. University of Rochester: Simon (Estados Unidos);
  61. City, University of London, The Business School (formerly Cass) (Reino Unido);
  62. Georgia Institute of Technology: Scheller (Estados Unidos);
  63. Rotterdam School of Management, Erasmus University (Holanda);
  64. University of St Gallen (Suíça);
  65. Shanghai University of Finance and Economics: College of Business (China);
  66. SMU: Cox (Estados Unidos);
  67. Tsinghua University School of Economics and Management (China);
  68. George Washington University (Estados Unidos);
  69. University of Notre Dame: Mendoza (Estados Unidos);
  70. University of Connecticut School of Business (Estados Unidos);
  71. Brigham Young University: Marriott (Estados Unidos);
  72. University of Minnesota: Carlson (Estados Unidos);
  73. University of Texas at Dallas: Jindal (Estados Unidos);
  74. Durham University Business School (Reino Unido);
  75. University of Toronto: Rotman (Canadá);
  76. University of Pittsburgh: Katz (Estados Unidos);
  77. Edhec Business School (França);
  78. Eada Business School Barcelona (Espanha);
  79. AGSM at UNSW Business School (Austrália);
  80. ESMT Berlin (Alemanha);
  81. Essec Business School (França);
  82. The Lisbon MBA Católica/Nova (Portugal);
  83. Wisconsin School of Business (Estados Unidos);
  84. Ipade Business School (México);
  85. Texas A & M University: Mays (Estados Unidos);
  86. Rutgers Business School (Estados Unidos);
  87. Melbourne Business School (Austrália);
  88. University of Georgia: Terry (Estados Unidos);
  89. William & Mary: Mason (Estados Unidos);
  90. EMLyon Business School (França);
  91. McGill University: Desautels (Canadá);
  92. Fordham University: Gabelli (Estados Unidos);
  93. Miami Herbert Business School (Estados Unidos);
  94. Indian Institute of Management Indore (Índia);
  95. University of Cape Town Graduate School of Business (África do Sul);
  96. Lancaster University Management School (Reino Unido);
  97. Western University: Ivey (Canadá);
  98. Copenhagen Business School (Dinamarca);
  99. Hult International Business School (Estados Unidos);
  100. Queen’s University: Smith (Canadá).

Acesse o site da Financial Times para saber mais.

Amanda Corrêa

Amanda Corrêa é uma jornalista brasileira que mora no exterior há 7 anos. Possui Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Morou na Inglaterra e atualmente reside em Portugal. Atua na área de Jornalismo, produção de conteúdos e mídias sociais. Com seu trabalho, ajuda brasileiros e estrangeiros a morarem fora do país e realizarem seus sonhos!

blank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *